Super Aplicativos: O que são e por que estão se popularizando tanto?

É comum encontrarmos nos celulares vários aplicativos com diversas funcionalidades. Um para pedir comida, outro para fazer pagamentos, entre outras inúmeras funções. Entretanto, atualmente existe a possibilidade da criação dos superapps, aplicativos em que o usuário pode ter várias utilidades sem precisar baixar incontáveis aplicativos. 

Os super aplicativos são uma alternativa para celulares que possuem espaço de memória pequeno e, por isso, precisam deletar alguns aplicativos de modo a potencializar a sua memória.

Esses aplicativos são muito comuns principalmente no sudeste asiático, o aplicativo chinês WeChat é um dos precursores, no início ele era usado apenas para o envio e recebimento de mensagens, entretanto já pode ser utilizado para outras funcionalidades, entre elas já existe o pagamento de contas, noticias, jogos e até aluguel de bicicleta. Ele possui cerca de 700 milhões de usuários e, segundo a revista The Economist, um único usuário pode vir a usar o app cerca de 10 vezes por dia.

Segundo algumas pesquisas os aplicativos de mensagens e redes sociais têm um maior engajamento e fazem o usuário o utilizarem por mais tempo. Um dos motivos, segundo a The Economist, de o Facebook ter comprado o Whatsapp foi esse grande engajamento.

Ademais, uma pesquisa feita pela empresa Adjust, o Brasil é o 2° mercado de aplicativos no mundo que mais cresce. Os setores são compras, viagens e transporte. Os super aplicativos estão aí para substituir muitos desses aplicativos, o mais famoso atualmente no país é o Rappi. Ela recebeu em setembro de 2018 US$ 200 milhões de fundos como DST Global e o Sequoia Capital, tornando-se a primeira empresa “unicórnio”, o que significa que ela vale mais de US$ 1 bilhão.

É provável que os grandes aplicativos continuem em alta no mercado, pois há uma grande competição no mercado e esses gigantes têm uma vantagem perante os outros. Existem muitas mudanças que possam acontecer e o mercado deve adaptar-se a elas.

Ana GonçalvesConsultora de Tecnologia