Site ou Aplicativo, qual é o melhor para a minha empresa?

Todos sabemos da importância de estar conectado e bem avaliado na internet, seja com um negócio online ou não. Mas aí mora a dúvida de muitos, “como a minha empresa deve se posicionar, com um aplicativo ou site?”. E é por isso que escrevemos esse texto, para ajudar você a sanar essa dúvida, mostrando os pontos principais de cada plataforma.

Sites e Aplicativos são plataformas conhecidas no mundo todo. Mesmo assim, vários empreendedores não sabem as características principais de cada plataforma. Para saber em qual ramo sua empresa deve atuar, é preciso saber quais são os benefícios e particularidades de cada programa. Comparamos aqui as duas plataformas e esperamos poder responder a sua dúvida sobre qual será a ideal para o seu negócio.

Sites

“Por que ter um site se meu negócio é pequeno?” ou “Por que tem um site se não vendo/anuncio online” são dúvidas muito comuns quando surge a dúvida de se fazer um site. Hoje o mundo está conectado, pelo celular, notebook, tablet e até mesmo smart tv. Ter um site é a forma mais simples de ser encontrado na internet hoje.

Seu site é o lugar que terá mais informações sobre a sua empresa, seus serviços e produtos. É por isso que, quando alguém usar o Google para encontrar o tipo de serviço que você oferece, seu site deve estar lá no topo da lista. O estilo, conteúdo e objetivo do seu site variam conforme suas necessidades.

Você pode, por exemplo, ter um site institucional simples para anunciar seus serviços e portfólio, ou um site one page com um blog para mostrar conteúdo para seus clientes e se relacionar com a audiência. Ou ter uma loja virtual para expandir seus negócios.

Também vale lembrar de um sistema web, nós falamos mais sobre eles e as diferenças entre um site e um sistema aqui. Mas também é um site, com objetivos diferentes e design mais complexo.

A lista segue e não é exclusiva dos exemplo citados, sendo muito maior do que iremos falar aqui hoje. Um site é uma parte básica de qualquer negócio que quer crescer no mercado então, caso não tenha, comece a planejar o seu!

 

Aplicativos

Os aplicativos estão cada vez ocupando mais tempo das pessoas. Você já deve ter uma noção do tamanho do mercado de aplicativos hoje em dia. Crianças passam o dia jogando e vendo vídeos, enquanto adultos fazem compras e leem notícias enquanto navegam. É uma realidade que já está em nossa volta. Ainda assim, “nós precisamos mesmo de um aplicativo?” é uma dúvida recorrente.

Os aplicativos possuem um potencial muito maior que um site. Não estamos dizendo que aplicativos são melhores que sites, nem tirando a necessidade da sua empresa ter um. Queremos dizer que ela pode precisar dos dois. Aplicativos possuem objetivos e funcionalidades que não são encontradas em sites.

Biometria, localização pelo GPS, câmeras, jogos, sensores, etc. Todas essas funcionalidades, e as muitas outras, podem melhorar o seu relacionamento e influência com seus usuários e clientes, gerar fidelidade e destacar seu negócio no meio da concorrência.

Mesmo que o seu aplicativos não tenha todas essas funcionalidades, só de estar lojas de aplicativos você já garante boa parte do benefício, que é poder ser encontrado quando um usuário está buscando pela sua marca ou então por palavras relacionadas ao seu negócio. Caso você não esteja, você está deixando as oportunidades para seus concorrentes.

Caso o seu negócio dependa de uma plataforma mais robusta, como é o caso do Facebook, é muito interessante o desenvolvimento de um aplicativo. Mas calma, não se exalte e crie um aplicativo com a mesma cara que seu site, ainda mais se não for necessário, pois ninguém entra em um aplicativo para descobrir um telefone de uma empresa prestadora de serviço.

 

Autor: Gabriel Chaves. Pós-Júnior

2018-03-20T11:12:31+00:00terça-feira, 30/01/2018|Tecnologia da Informação|