6 erros super comuns na hora de pensar uma residência

Mesmo com o avanço da arquitetura e construção civil, é possível identificar erros semelhantes e frequentes entre as residências modernas. Neste texto, apontamos 6 erros super comuns que passam desapercebidos na hora de construir ou reformar uma casa.

Ambientes Escuros

Um erro muito comum, principalmente em ambientes que não possuem muitas formas para a entrada da luz natural, é a baixa luminosidade. É importante que se façam boas escolhas para as cores dos móveis. As paredes e piso destes ambientes também devem ter cores adequadas para que passem uma boa impressão e seja confortável para as pessoas que utilizam aquele espaço. É sempre interessante pensar em tons mais claros para estes locais. O objetivo é que esses tons reflitam a luz, visando manter o ambiente bem iluminado.

Poucas Tomadas

Nos dias atuais, é evidente que a busca por tomadas se tornou incessante devido à grande quantidade de dispositivos eletrônicos. Quem nunca teve suas dificuldades para encontrar uma tomada livre para poder carregar seu smartphone ou notebook? Este é um ponto importantíssimo de se levar em conta ao construir ou reformar sua residência. É possível evitar isso a partir de um projeto elétrico bem executado que prevê essa necessidade. Afinal, você arriscaria ligar seu precioso aparelho em um emaranhado de extensões?

Banheiros com Pouca Ventilação

Os banheiros são, provavelmente, os ambientes mais úmidos de sua residência. Por isso, é sempre importante lembrar que ele deve ter uma boa ventilação para evitar a proliferação de fungos (mofo) e eliminar os odores. Caso não seja possível ter uma janela voltada para a área externa da sua casa em seu banheiro, é interessante pensar na instalação de exaustores para que você não tenha problemas com estes cômodos.

Chave do chuveiro caiu?

Outro erro bastante comum em uma residência é a ligação dos chuveiros. Provavelmente você já se deparou com um banho gelado por conta de outro chuveiro ligado simultaneamente. Isto ocorre porque estes aparelhos são uns dos que demandam maior potência da rede elétrica na sua residência. Por isso, esses equipamentos mais potentes devem ser ligados em circuitos elétricos separados. Cada chuveiro deve ter seu próprio disjuntor, evitando assim que haja sobrecarga na sua instalação elétrica. Dessa forma, você poderá sempre tomar seu banho quente tranquilamente, sem se preocupar com outra pessoa que o deseje ao mesmo tempo que você.

Caimento do Piso

Observamos nas casas, com frequência, ambientes úmidos onde o piso não tem a mínima inclinação necessária para que a água escoe até o ralo de maneira natural. Isso ocorre sobretudo em banheiros, cozinhas e áreas de serviço. Portanto, é importante, nos momentos de construção ou reforma, que o responsável verifique se o piso está adequadamente inclinado para que a água chegue até o ralo, evitando o aparecimento de poças.

Falta de Tomadas Específicas

Por fim, mas não menos recorrente, temos outro problema relacionado a aparelhos domésticos que demandam uma potência maior da rede elétrica. Alguns desses possuem a tomada um pouco maior do que o plug existente em sua casa. Um exemplo disso é a grossura dos pinos em boa parte dos secadores de cabelo. O que muitos não sabem é que esta diferença no tamanho é proposital e acabam utilizando adaptadores para que a tomada encaixe. Tal atitude pode ocasionar curto-circuitos na sua residência e acabar gerando problemas maiores. O ideal é que seja feito um projeto elétrico adequado, com tomadas que suportem uma potência maior em lugares propícios à utilização desses eletrodomésticos. Essas tomadas geralmente são adequadas próximas à pia do banheiro e nas bancadas de cozinha.

Gostou do texto? Que tal colocar a mão na massa na construção ou reforma de sua casa? Nós da CPE esperamos ter ajudado! Inclusive, se ainda restarem dúvidas, fale conosco!

Autor: Lucas Faleiro. Pós-Júnior

2018-03-27T23:16:50+00:00 terça-feira, 27/03/2018|Projetos Elétricos|